quarta-feira, 27 de maio de 2015

Augusto Castro denuncia abandono do Centro de Cultura de Itabuna

Em pronunciamento no plenário da Assembleia Legislativa, nesta terça-feira (26), o deputado estadual Augusto Castro, do PSDB, denunciou o abandono da cultura de Itabuna pelo Governo do Estado. Segundo o parlamentar, duas obras paralisadas – a da construção do Centro de Convenções e a reforma do Centro de Cultura Adonias Filho (CCAF) – indicam que o Estado “se esqueceu da cultura de Itabuna”.

Augusto salientou que, “em uma cidade assolada por altos índices de violência, a cultura pode ter um papel fundamental para mudar esse cenário”. No entanto, de acordo com o deputado, “o governo baiano parece não enxergar a importância do setor, o que demonstra com o abandono dos equipamentos culturais da cidade”. 

O parlamentar disse que a presença do secretário de Cultura da Bahia, Jorge Portugal, em Itabuna, na última sexta-feira (22), chegou a gerar uma expectativa com relação à retomada das obras do Centro de Cultura. “Mas, estranhamente, o secretário não disse uma palavra sobre a reforma do equipamento”, observou. A reforma do CCAF foi iniciada em 2013 e paralisada no mesmo ano. 

Logo após o pronunciamento no grande expediente da sessão desta terça-feira, Augusto Castro manteve contato por telefone com o secretário Jorge Portugal. O titular da Secult afirmou que as obras no Centro de Cultura Adonias Filho serão reiniciadas em julho. “Nós esperamos que o Estado realmente cumpra esse compromisso e dessa vez conclua a recuperação do centro”, declarou o deputado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *