sábado, 30 de maio de 2015

Foragido morre em confronto com policiais de Teixeira

Na noite desta sexta-feira, 29 de maio, policiais militares do Peto, lotados na 87ª Cipm de Teixeira de Freitas, entraram em confronto com um homem logo após um assalto cometido no Distrito de Canta Galo, pertencente ao município de Alcobaça. O confronto aconteceu na Rua Agnaldo Medeiros, no Bairro São Lourenço. Segundo informações da polícia, foi recebido o comunicado sobre um assalto ocorrido no Canta Galo, e que um indivíduo a bordo de um veículo Fiat Siena, de cor preta, teria subtraído o celular de dois jovens em uma lanchonete no referido distrito. Ainda segundo informações, o criminoso teria seguido sentido a Teixeira. A guarnição aguardou o veiculo suspeito no Trevo e o condutor não obedeceu à ordem de parada. Foi iniciada uma perseguição e quando chegou nas imediações da referida rua, o suspeito bateu o carro, desceu atirando contra a guarnição e invadiu uma residência, saiu pulando muros. Várias guarnições fizeram o cerco. Quando encontraram o suspeito, ele atirou contra a guarnição, que revidou. O suspeito chegou a ser socorrido, mas morreu assim que deu entrada no Hospital Municipal. Trata-se do fugitivo da Justiça, José Carlos Brandão Aragão, vulgo “Boré”.
O “Bore” fugiu recentemente da carceragem da 8ª Coorpin, juntamente com outros três menores. Considerado de alta periculosidade, o criminoso tinha uma extensa ficha criminal [tráfico, roubos e homicídios]. As duas vítimas, que foram assaltadas pelo “Boré” no Canta Galo, compareceram à delegacia e reconheceram o veiculo usado por ele no assalto. Com o “Boré” foi apreendido um revolver calibre 32, com três munições deflagradas e uma intacta, o celular roubado no Canta Galo e outros três aparelhos de celular. As vítimas disseram que o “Boré” chegou na lanchonete, e estava com duas armas, sendo uma na cintura e outra em punho. Anunciou o assalto e depois fugiu. O corpo do José Carlos foi removido ao IML de Teixeira de Freitas, onde passará por exames de praxe. Na manhã deste sábado (30), será liberado aos familiares para velório e sepulto. O caso foi registrado na 8ª Coorpin, onde será devidamente investigado, mediante instauração do devido inquérito policial. (Liberdade News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *