quinta-feira, 2 de julho de 2015

Mulher de médico fura bloqueio policial e acaba detida


Tudo não teria passado de um mal entendido. Maria D'ajuda Afonso Santos, 48 anos, foi conduzida para a delegacia de Teixeira de Freitas, nesta quarta-feira, 1º de julho, por suspeita de provável roubo de um carro Mercedes. Segundo o registro policial, a Caema recebeu informações da Central de que o carro com placas ODB – 5868, licenciado em Teixeira havia sido roubado no município de Itanhém e montou uma barreira na BA-290 para tentar interceptar o veículo que era conduzido por Maria D’Ajuda. Próximo a entrada do povoado de Nova Lídice, a suspeita recebeu uma ordem de parada dos militares, mas furou o cerco e fugiu em alta velocidade. Uma perseguição foi iniciada, a motorista chegou a pular dois redutores de velocidade próximo ao Terras da Bahia, momento em que um dos pneus traseiros estourou, e o carro rodou na pista. Mesmo com pneu furado, Maria D’Ajuda conseguiu retornar para a BA-290 e prosseguiu com a fuga, ela só foi parada depois que foi solicitado o reforço de mais duas viaturas da 87ª Companhia Independente de Polícia Militar. Ainda segundo a ocorrência, durante a fuga, a suspeita colocou em risco a vida de vários condutores que transitavam pela pista, muitos deles tiveram que sair da via para evitar um acidente. Maria D’Ajuda acabou sendo conduzida para a delegacia onde foi descoberto que o carro que ela dirigia pertence ao seu esposo. A motorista contou para a Polícia que viu o veículo sendo conduzido por uma amante do esposo e usou a chave reserva para tirar o Mercedez de Itanhém. Maria D’Ajuda é esposa do médico, Marcelo de Oliveira Souto, detido na noite do dia 25 de março, por embriaguez ao volante. Ela foi ouvida e liberada, mas vai responder pelos artigos 330 e 311, por desacato e direção perigosa. (Sul Bahia News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato

Nome

E-mail *

Mensagem *